Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Valongo do Vouga

Notícias sobre Valongo do Vouga

Valongo do Vouga

Notícias sobre Valongo do Vouga

Governo decreta três dias de luto nacional

Incêndios: Governo decreta três dias de luto nacional de terça até quinta-feira


Decreto foi aprovado por via eletrónica

O Governo aprovou hoje por via eletrónica, em Conselho de Ministros extraordinário, o decreto que declara luto nacional nos dias de terça-feira, quarta-feira e quinta-feira como forma de pesar e solidariedade pelas vítimas dos incêndios.

"O Conselho de Ministros aprovou hoje, por via eletrónica, o decreto que declara luto nacional nos dias 17,18 e 19 de outubro como forma de pesar e solidariedade com toda a população nacional na sequência dos fogos florestais que atingiram vários pontos do país, provocando perda irreparável de vidas humanas", lê-se no diploma ao qual a agência Lusa teve acesso.

As centenas de incêndios que deflagraram no domingo - o pior dia de fogos do ano segundo as autoridades -, provocaram pelo menos 35 mortos e dezenas de feridos, além de terem obrigado a evacuar localidades, a realojar as populações e a cortar o trânsito em dezenas de estradas.

O melhor do Diário de Notícias no seu email

Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a qualidade Diário de Notícias.

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou que o Governo assinou um despacho de calamidade pública, abrangendo todos os distritos a norte do Tejo, para assegurar a mobilização de mais meios, principalmente a disponibilidade dos bombeiros no combate aos incêndios.

Portugal acionou o Mecanismo Europeu de Proteção Civil e o protocolo com Marrocos, relativos à utilização de meios aéreos.

 

Esta é a segunda situação mais grave de incêndios com mortos este ano, depois de Pedrógão Grande, no verão, um fogo que alastrou a outros municípios e que provocou 64 mortos e mais de 250 feridos.

Fonte:

 

https://www.dn.pt/portugal/interior/incendios-governo-decreta-tres-dias-de-luto-nacional-de-terca-ate-quinta-feira-8848602.html

País Governo decreta três dias de luto nacional


Governo decreta três dias de luto nacional
Lusa18 Jun, 2017, 13:47 / atualizado em 18 Jun, 2017, 13:51 | País
Governo decreta três dias de luto nacional | Lusa


O Conselho de Ministros aprovou um decreto que declara luto nacional durante três dias, entre hoje e terça-feira, pelas vítimas do incêndio que deflagrou no Município de Pedrógão Grande e afetou vários concelhos.

Em comunicado, o Governo adianta que este decreto foi aprovado "fazendo uso da faculdade de deliberação eletrónica prevista nos termos do Regimento do Conselho de Ministros".

O decreto, lê-se no comunicado, "produz efeitos a partir do dia 18 de junho de 2017 [hoje] e entra imediatamente em vigor".

Pelo menos 62 pessoas morreram no incêndio que atinge Pedrógão Grande e outros dois concelhos do distrito de Leiria desde sábado, disse hoje o secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes.

O balanço anterior era de 58 vítimas mortais.

Fonte:


18-06-2017


https://www.rtp.pt/noticias/pais/governo-decreta-tres-dias-de-luto-nacional_n1008709

Incêndio nos caixotes de lixo junto à Capela das Alminhas - Brunhido

Valongo incendio caixotes lixo (1).jpg

Valongo incendio caixotes lixo (2).jpg

Incêndio deflagrou nos caixotes de lixo junto à Capela das Alminhas na passada manhã de sábado.

O caixote de lixo do lado da paragem do autocarro terá começado a arder por volta das 10h. O caixote estava já tombado e com o fogo bastante forte quando foi notado pelos moradores, que logo ligaram aos bombeiros, às 10h24.

Durante os 20 minutos que se seguiram o fogo queimou ambos os caixotes, tendo também queimado parte da mata do eucaliptal adjacente. A forte labareda que o fogo atingiu, assustou os moradores que temiam o seu rápido alastramento, devido ao forte vento que se fazia sentir.

Os Bombeiros Voluntários de Águeda chegaram ao local pelas 10h44, tendo extinguido por completo o incêndio.

Desconhece-se ainda a causa do incêndio.

 

 

Artigo redigido por Ana Paula dos Santos Lima

paula lima.jpg

 

 

Incêndio na florista “O Cantinho da Cila”

Valongo incêndio florista (1).jpg

Valongo incêndio florista (4).jpg

 

Curto-circuito provocou pequeno incêndio em loja de flores.

A loja “O Cantinho da Cila” dedicada ao comércio e arranjo de flores, situada na Praça de São Pedro na localidade em Valongo do Vouga, sofreu um pequeno incêndio na noite de sábado dia 5 de dezembro.   

A proprietária verificou o sucedido apenas no domingo de manhã, chamando então os Bombeiros Voluntários de Águeda, que verificaram que o incêndio, provocado por um curto-circuito num artigo elétrico, se tinha auto extinto. A proprietária agradece a todos os que se prontificaram a ajudar, quer no empacotamento e transporte de bens, quer na limpeza do espaço.

Durante a passada semana a loja funcionou com alguns condicionamentos decorrentes dos trabalhos que foram levados a cabo, facto pelo qual a proprietária agradece a compreensão dos clientes.

 Neste momento a loja já se encontra a funcionar em pleno.

 

 

Artigo redigido por Ana Paula dos Santos Lima

paula lima.jpg

 

 

Incêndio em Arrancada

Incêndio Arrancada.jpg

 

Fogo deflagrou junto à estrada na Rua Santo António na localidade de Arrancada, no passado domingo, dia 19 de julho. O fogo, de origem ainda desconhecida, teve início num monte de lenha de um proprietário da localidade de Arrancada e que estaria próximo da estrada, que liga a localidade de Arrancada à localidade do Sobreiro. O incêndio teve início por volta das 20 horas, tendo sido rapidamente extinto, com a célere chegada ao local de três veículos de combate ao incêndio, assim como da Guarda Nacional Republicana. O combate ao incêndio e as operações de rescaldo demoraram ainda algumas horas, tendo o trânsito sido desviado para a Rua Carrascal e Rua Pinheiro Manso.

 

 

Artigo redigido por Ana Paula dos Santos Lima

paula lima.jpg

 

 

Fogo deflagrou em zona do Salgueiro

Valongo incêndio Salgueiro 2.jpg

Valongo incêndio Salgueiro.jpg

 

Fogo deflagrou em zona florestal da Vila de Valongo do Vouga na passada sexta-feira, dia 19 de junho.

O fogo, de origem ainda desconhecida, teve início num eucaliptal, junto à estrada que liga a localidade do Salgueiro (Valongo do Vouga) à localidade da Moita (Macinhata do Vouga). Os madeireiros que ali trabalhavam perto, aperceberam-se do incêndio que terá deflagrado por volta das 16:30, logo chamaram os bombeiros.

Os bombeiros de Águeda e de outras corporações, assim como a Guarda Nacional Republicana chegaram ao local cerca de 30 minutos após ter sido dado o alerta, pelo que já uma vasta área do eucaliptal tinha ardido nessa altura.

O combate ao incêndio e as operações de rescaldo demoraram ao todo cerca de 3 horas.

Os madeireiros conseguiram retirar todas as máquinas a tempo, pelo que não houve grandes prejuízos resultantes do incêndio, apenas algum mato ardido.

 

 

 

Artigo redigido por Ana Paula dos Santos Lima

paula lima.jpg

 

 

Incêndios em Valongo do Vouga

 

No passado sábado dia 06 ocorreu um incêndio na zona a norte do Moutedo e Cadaveira. O foco de incêndio foi atacado pelo forte dispositivo da proteção civil, envolvendo diversos meios de corporações de bombeiros de diversas localidades. Na localidade do salgueiro alguns autotanques reabastecerem para prosseguir o combate às chamas.  Segundo  Carlos Alberto Pereira,  Presidente da Junta de Freguesia de Valongo do Vouga, tem ocorrido alguns focos de incêndio noutros pontos nomeadamente na zona da Veiga, mas têm sido combatidos com sucesso.

Incêndio no Godinho

GODINHO.JPG

Incêndios

Na passada quarta-feira dia 22 de Maio mais um incêndio em Arrancada, no Godinho.

O foco de incêndio foi dominado e extinto com a intervenção da proteção civil de Valongo do Vouga e Bombeiros de Águeda.

 

Incêndios

O enorme incêndio florestal que lavrou na zona das Talhadas foi atacado por um elevado numero de meios, na foto um grupo de militares a passar defronte ao Campo Bastos Xavier.


O incêndio visto ao longe:


Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2005
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D