Notícias sobre Valongo do Vouga
Terça-feira, 6 de Setembro de 2005
António Simões Estima oferece 350 livros à Casa do Povo
Antonio Simoes Estima.JPG

António Simões Estima oferece à Casa do Povo de Valongo do Vouga 350 exemplares da obra de sua autoria “DE UALLE LONGUM A VALONGO DO VOUGA – Subsídios monográficos monografia de Valongo do Vouga, obra única e um importante marco para quem se interesse por Valongo do Vouga foi editada em 2003 e teve o patrocínio da C.P.V.V. Para os críticos mais sagazes, no meio de tanta informação reunida conseguem encontrar algumas lacunas ou imprecisões. Não é assim uma considerável parte da nossa história e do nosso conhecimento? Mas para aqueles que com coerência sabem que um trabalho dessa envergadura acarreta sempre a possibilidade de incorrer em imprecisões a obra só pode ser classificada como um trabalho exemplar e notável pelo seu arrojo. Esta obra é um importante alicerce de onde pode partir um segundo volume com aditamentos, e com o desenvolvimento do que possa merecer essa menção.

António Simões Estima nasceu a 2 de Janeiro de 1926, no lugar e freguesia de Valongo do Vouga. concelho de Agueda e reside no lugar de Arrancada do Vouga da mesma freguesia.
Fez o Curso de Comercio na Escola industrial e Comercial Madeira Pinto. de Agueda a frequentou o Curso Liceal no Colégio de S. Bernardo. de Agueda.
Em 1948. ingressou no quadro da Direcção Geral das Contribuições e Impostos do Ministerio das Finanças. Fez o estagio obrigatorio na Repartição das Financas de Agueda. prestou provas publicas nacionais e foi nomeado aspirante de finanças. Progride na respectiva carreira profissional e ocupa os seguintes lugares: escrivão no Tribunal do Contencioso das Contribuições e impostos de Lisboa: perito de fiscalização Tributaria de 1ª classe: técnico orientador dos Serviços de Planeamento a Coordenar do da Administração Central. nos distritos de Aveiro. Coimbra. Castelo Branco. Viseu e Guarda; fez parte do grupo de trabalho de estudo para a reforma dos Serviços de Fiscalização Tributária; mediante concurso público nacional foi por ultimo, foi nomeado chefe de divisão dos Serviços de Fiscalização Tributária da Direcção de Finanças de Aveiro. tendo-se aposentado em 1986. depois de ter prestado mais de 38 anos de serviço efectivo.
De pensamento livre e democrático advoga uma sociedade de valores em que a ética. o humanismo, a competência e a responsabilidade sejam uma pratica social.

Gosta de colaborar e participar na vida social da sua terra. Foi presidente da Junta do Freguesia; presidente da Assembleia de Freguesia: vereador na Câmara :Municipal: presidente da Direcção da Assembleia Geral da Associacao Desportiva Valonguense: presidente da direcção da Casa do Povo: presidente do conselho fiscal da Caixa de Credito Agricola; membro do conselho fiscal dos bombeiros Voluntários, Santa Casa da Misericórdia Radio Botaréu, de Agueda.
Tem varias paixões: os negócios e as viagens. Depois de aposentado fundou duas empresas do ramo imobiliário. Das viagens. conhece quase todos os países da Europa. alguns da América e Africa. Encanta-o o contacto com outras gentes, costumes e civilizações.
Interessa-se pelo passado e anima-o o desejo do prestigiar a sua terra. contribuindo com a escrita para levar às suas Gentes um pouco da. sua história.

Artigo publicado no Semanário Região de Águeda


publicado por Filipe Vidal às 20:11
link do post | comentar | favorito

mais informações


pesquisar
 
arquivos
posts recentes

Apanhados - Alberto Henri...

Governo decreta três dias...

Convite para inauguração ...

Autárquicas 2017

Apanhados - Eleições

Apanhados - Casa Cassetes

Apanhados - Rua Visconde ...

Acerca do Debate sobre Fr...

Procura-se participação!

País Governo decreta três...

tags

todas as tags

links

contador gratis
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
17
18
19
20
21

23
24
25
26
27
28

29
30
31


subscrever feeds