Notícias sobre Valongo do Vouga
Terça-feira, 12 de Dezembro de 2006
46º Aniversário do Valonguense
A exemplo dos anos anteriores a Associação Desportiva Valonguense comemorou o seu 46º aniversário.

Às 15:00 deu-se a concentração no Parque desportivo Bastos Xavier, às 16:00 a Romagem ao cemitério de Valongo do Vouga foi concluída com a colocação de uma coroa de flores em homenagem aos sócios falecidos. Às 17:30 o jogo de futebol entre as velhas guardas foi disputado com garra do qual resultou o emocionante resultado de 7-5. Os intervenientes deste Derbi :António Duarte Pereira (Pereirinha), Augusto Marques da Silva (Flávio), Nelson Carvalho, Jorge Marques da silva (Flávio),João Carlos Coelho de Oliveira (Coelho), António Manuel Ferreira da Conceição (Toni), João Paulo Marques da Silva (Flávio ), João Carlos Oliveira, João Paulo Tendeiro,
António Manuel Bastos da Silva, Filipe Falcão, Miguel Falcão, Carlos Manuel Conceição, António Augusto (Portilho) José Vidal, José Luís (Bárrá), José Carlos Moreira Almeida, Carlos Costa, Arsénio Rebelo e Rui Marques. Sem contestação este jogo foi arbitrado com classe pelo “Patoco”.

Dos intervenientes nesta brincadeira desportiva, houve algumas velhas glórias do A.D.V. que estiveram no parque desportivo mas faltaram ao compromisso de estar presente no convívio às vinte horas.

O Jantar convívio comemorativo do 46º aniversário foi muito animado e teve a presença na mesa de honra, do Presidente da Assembleia Municipal Paulo Matos, Presidente da Câmara Municipal de Águeda, Gil Nadais, da Vereadora do pelouro do desporto Elsa Corga, de Carlos Arede, cumulativamente Presidente da Assembleia da JFVV e presidente da Direcção da CPVV, José Manuel Costa em representação do conselho disciplinar da AFA e Carlos Rafael em representação da Comissão administrativa do clube.

Coube a Filipe Falcão, Director desportivo do clube, a introdução para os tradicionais discursos, apelando à contribuição de novas pessoas para levar mais longe os desígnios do clube e o enfoque necessário para o plantel sénior. O momento quente da noite foi a inesperada forma como Paulo Matos, Presidente da Assembleia Municipal, que após a eloquente apologia pela forma como o ADV tem contribuído para a formação de jovens, através das suas escolas de formação do clube, considerando essa forma de actuação a génese da utilidade pública do clube, e após o realce para as dificuldades que o clube estaria a atravessar, pediu objectivamente ao Presidente da CMA ali presente, que esclarecesse uma dúvida: “ Há um ano atrás a CMA reformulou os apoios às instituições e clubes, ao associativismo de um modo em geral, em Março de 2006. No inicio desta época haveria um novo plano para o Associativismo, a época iniciou-se em Agosto, 4 meses depois não há apoios”. Prosseguiu dizendo que não se poderia fazer demagogia. A promessa que os apoios do passado seriam garantidos, na nova época não estão garantidos e as despesas não param. Haveria clubes na falência e a extiguirem-se. Paulo Matos despediu-se dos presentes e abandonou o pavilhão. De seguida José Manuel Costa em representação do conselho disciplinar da AFA após as felicitações ao ADV, com alguma nostalgia contou um episódio ocorrido à 11 ou 12 anos no Campo Bastos Xavier e que foi o seu primeiro processo disciplinar. Enalteceu a prática do clube na aposta da formação das camadas jovens. Expressou a sua confiança no futuro do clube, referindo que era uma referência do desporto Aveirense.

Para finalizar os discursos, Gil Nadais, Presidente da Câmara Municipal respondeu à dúvida e desafio de Paulo Matos: Com um sorriso Gil Nadais disse que não iria atraiçoar na sua resposta o Dr. Paulo Matos, pois já não estava presente para ouvira as explicações, mas estranhava que após quase uma hora a seu lado na qual poderia ter tirado as dúvidas e se quisesse também tinha o seu numero de telemóvel ao dispor. Prossegui dizendo que encarava esta atitude, como a forma de Paulo Matos fazer política.
Sobre o que foi dito, seria verdade que haveria um novo regulamento para apoiar o desporto. Quanto aos compromissos da época anterior, não fazia sentido mudar as regras a meio do campeonato ou assumir tudo o que vinha de trás. Sem mudanças bruscas ou sem deixar as colectividades penduradas a ideia será apostar na formação.
A formação ao nível do desporto dos jovens, apostar em dirigentes e atletas de corpo inteiro, com treinadores qualificados. Com dirigentes bem formados e treinadores, as colectividades serão penalizadas se os seus treinadores e dirigentes não tiverem um comportamento digno dentro do campo.

Por fim a boa notícia, no próximo mês a 1ª tranche do subsídio será entregue ao ADV.

A noite conclui-se com o brinde e o corte do bolo de aniversário e em bom ambiente, com música ao vivo terminou a comemoração do 46º aniversário do ADV.


publicado por Filipe Vidal às 23:25
link do post | comentar | favorito

mais informações


pesquisar
 
arquivos
posts recentes

Apanhados - Alberto Henri...

Governo decreta três dias...

Convite para inauguração ...

Autárquicas 2017

Apanhados - Eleições

Apanhados - Casa Cassetes

Apanhados - Rua Visconde ...

Acerca do Debate sobre Fr...

Procura-se participação!

País Governo decreta três...

tags

todas as tags

links
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
17
18
19
20
21

23
24
25
26
27
28

29
30
31


subscrever feeds